Posted on: Agosto 24, 2016 Posted by: Graca Freire Comments: 0

8.00

CONTACTE-NOS










    Os campos assinalados com * são de preenchimento obrigatório

    Freud aborda pela primeira vez o problema de uma psicopatologia da vida quotidiana em carta ao seu amigo Fliess em 1898, em que lhe relata a análise do esquecimento de um nome, o do poeta Júlio Mosen. Os exemplos de erros e lapsos analisados por Freud em “Psicopatologia da Vida Quotidiana”, muitos deles retirados da sua própria experiência, serviram para a divulgação da psicanálise.O livro criou, com efeito, um traço de união entre a patologia e a psicologia normal do ser humano, até aí divididas.